05
Mai 10
publicado por antoniovitorino, às 15:58link do post | comentar

Na Exposição Universal de Xangai, a presença portuguesa faz-se notar pelas características do Pavilhão de Portugal. O edifício, que possui uma área de aproximadamente 2.000 metros quadrados, destaca-se pelo revestimento de cortiça ao longo de toda a sua fachada, o que demonstra as potencialidades deste tipo de material. Para além da importância económica da cortiça (Portugal é líder mundial na produção e transformação de cortiça), este é um produto 100% natural, totalmente renovável e, naturalmente, ecológico.

Outra característica do Pavilhão de Portugal é a compensação de todas as emissões de CO2 efectuadas durante a exposição, através de uma parceria ambiental com a Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva (EDIA), que irá adquirir créditos de carbono em quantidade equivalente às emissões de gases com efeito de estufa associados à presença portuguesa na Expo 2010. Os gastos energéticos da participação portuguesa serão quantificados pela E.VALUE (a primeira empresa Portuguesa registada pelo Carbon Trust para o cálculo da pegada carbónica), que posteriormente irá realizar uma acção de reflorestação na zona do Alqueva.

A Expo 2010 decorre em Xangai até ao próximo dia 31 de Outubro e é dedicada ao tema "Better City, Better Life" (Melhores Cidades, Maior Qualidade de Vida), sendo por isso uma excelente oportunidade para Portugal promover os avanços nos domínios das energias renováveis, bem como na criação de produtos inovadores no que diz respeito ao ambiente.

 

Saiba mais em www.portugalexpo2010.com.pt


13
Fev 10
publicado por antoniovitorino, às 10:31link do post | comentar | ver comentários (1)

O Programa de Reciclagem de Rolhas de Cortiça, Green Cork, resulta de uma parceria entre a Quercus, a Corticeira Amorim, a Modelo/Continente e a Biological e foi criado em Junho de 2009 no Dia Mundial do Ambiente.

Para quem não sabe, as rolhas de cortiça nunca são reaproveitadas para novas rolhas mas sim para aplicações na indústria automóvel, construção civil e aeroespacial.
Este projecto contribui para a melhoria do meio ambiente de 3 formas, em primeiro lugar diminui os resíduos, em segundo defende um produto ecológico (a rolha) e por consequência a preservação do montado de sobre e a biodiversidade que lhe está associada e em terceiro lugar permite a plantação de novas árvores.
Esta iniciativa ganha ainda mais importância quando sabemos que o montado de sobreiro é um dos ecossistemas que se estima que absorva por ano 4,8 milhões de toneladas de CO2.
 
Saiba mais sobre o projecto:


Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Pesquisar
 
Tags

todas as tags

blogs SAPO